Marcio Cleber
março 26, 2019

NUCAVE adota animais propagandas para divulgação da Exposição

Sempre inovando em cada edição da Exposição Especializada do Cavalo Mangalarga, na edição deste ano, o Núcleo Campo das Vertentes do Mangalarga Marchador – NUCAVE criou-se os ‘Animais Propaganda’ do evento, que estão presentes em todas as publicidades da Exposição.

E os cavalos em destaques são o Atalho do Tulhão e o Litoral de Catagua´S, ambos de propriedades do criador Ângelo Cruz Machado Borgo. São animais de uma linhagem de alta qualidade técnica. O Atalho do Tulhão é filho do Dragão do Nasciso SJ (Místico Elfar) e da égua Tentação do Conforto (Trilho da Zizica). Já  o Litoral de Catagua´S tem como pai o Elegante de Catagua´S, e a mãe Graciosa de Cataga´S.

A Exposição será de 10 a 13 de abril, no Parque de Exposições de Barbacena e promete mais uma vez um show da raça. Chegada dos animais ao Parque será na quarta-feira, 10. Na quinta e sexta-feira durante todo o dia, o grande concurso de marcha, morfologia e prova funcional. Na noite de sexta, como é tradição, uma grande confraternização entre todos os envolvidos na Exposição. No sábado, 13, além do concurso para a escolha do Campeão dos Campeões de marcha, Grande da Raça, Marchador Ideal e premiar os Expositores e Criadores, tem ainda as eletrizantes provas esportivas (Seis Balizas, Três Tambores, Cinco Tambores  e  maneabilidade).

NUCAVE

Foto: Ângelo Borgo exibindo uma de suas preciosidades, o Atalho do Tulhão

Marcio Cleber
março 25, 2019

Santa Casa vivencia doação de órgãos, entre eles, pela primeira vez, o de coração

O simples sim de uma família, mas amplo em sua essência pelo grandioso ato de solidariedade, fez renascer a vida em muitas pessoas. Vidas estas, que necessitavam da doação de um órgão. E este renascer para estas pessoas anônimas veio no último final de semana quando esta família permitiu a doação de órgão da filha de 28 anos que veio a óbito por morte encefálica, em um leito da Santa Casa de Misericórdia de Barbacena.

g1ffqfabkua4209y

Com esta sábia decisão, começou uma corrida contra o tempo na Santa Casa de Misericórdia. A equipe de profissionais imediatamente fez todo o processo com o MG Transplante. No sábado pela manhã, o MG Transplante tanto de Belo Horizonte e Juiz de Fora já estavam realizando a retirada dos órgãos. Um fato há muito tempo não vivenciado pela Santa Casa, e que provocou a mudança de rotina na manhã e início de tarde daquele sábado.

Para o transporte do coração e do fígado, toda uma estrutura foi montada, em uma corrida contra o tempo, pois a pessoa ou as pessoas a receberem os órgãos já aguardavam em um leito do Centro Cirúrgico na cidade de Belo Horizonte. As caixas com os dois órgãos foram transportados até o aeroporto de Barbacena pela Polícia Militar com apoio da Guarda Municipal, onde já se encontrava preparado um helicóptero. Uma saída da Santa Casa que emocionou muitas pessoas que por ali se encontravam.

Entra para a história da cidade a primeira captação de coração realizada na Instituição. A equipe da Santa Casa sente-se emocionada ao mencionar sobre o ocorrido, pois não foi fácil, mas mesmo perante tanta adversidade da vida, valeu a pena; pois não se mediu esforços, e a missão foi cumprida.

Os rins e as córneas foram com o MG Transplantes de Juiz de Fora, transportado por uma ambulância da própria entidade.

 

Idinando Borges
março 13, 2019

O CAMINHO DO MEIO por Áurea Vasconcelos Grossi

50297093_2519822811421973_1700029411027320832_n

Ainda sonolenta e com muita vontade de prolongar a preguiça matinal, vou percebendo que os primeiros raios do dia estão surgindo…  Na  mesa ao lado, o celular começa também a dar seus sinais de vida… Pensando  em alguns interesses dos quais não posso, ou não devo, me desvencilhar, dou atenção a ele. E aí, como em todas as manhãs, me deparo com um inimaginável número de mensagens e notícias… Corro os olhos pela tela e vejo que não mais é possível se espantar com a velocidade com que são disparadas  informações, comentários, opiniões, notícias desbaratadas, comprometedoras e surpreendentes…Mesmo compreendendo  a incapacidade de absorver tudo o que me chega, confesso que não resisto à  tentação  de uma pequena navegação neste mar virtual. Mas, sempre me obrigando a um processo   seletivo que enfatiza passar pelo  gratificante afeto da família e dos verdadeiros amigos, pelo interesse por aquilo que considero valer a pena!  Sobram – me o desalento, o desencanto e a impotência diante do excesso de inutilidades. Sou vencida apenas pela voz da razão que me impõe o afastamento  do que alí está ao alcance dos dedos.

Há situações em que somos sufocados pelos pontos de vista alheios, sem que tenhamos a mínima chance de  nos posicionar a respeito. Por outro lado, corremos o risco de alimentarmos nosso inconsciente com as ideias de outros como se nossas fossem. Um  típico caso de apropriação indébita!!!   Não podemos nos esquecer que este é um reduto que tanto nos aproxima de quem está longe como nos afasta dos que estão próximos e, consequentemente, de nós mesmos.  Sabemos o quanto a tecnologia é valiosa, admirável e indispensável para o futuro. Sabemos também que a ela já foi delegado o poder de transformar a era moderna e as que ainda virão. Sem dúvida, tem a missão de desenhar as novas feições do mundo….

Oh Deus, mas o que tudo  isto significa, na verdade, para nós, pobres mortais?!!! Acredito  que  a velha e conhecida  máxima “viver exige sabedoria” aí se encaixa  perfeitamente. Todos  temos consciência de que a vida contemporânea  é fantástica mas nos exige muito.  E, em função desta exigência, nos entregamos a um automatismo desgastante. Procuramos dar conta de tudo aquilo que se nos parece como obrigações. Entre elas, corresponder a esta avalanche de  informações trazida pela tecnologia. Por que temos que decodificar ou deglutir tudo que nos chega?!!! Como se fosse um fast food pronto a ser ingerido!…

Pergunto, o que a vida nos reserva nestes tempos em que  tudo flui com incrível rapidez e imprevisibilidade ? Como será viver com sabedoria?  Nossas  inquietações têm chance de nos indicar o caminho do meio. O ponto virtuoso do equilíbrio. E, para tal, acredito que o único instrumento mágico que dispomos para este enfrentamento se chama REFLEXÃO. Pensar, ponderar e selecionar o que realmente é válido… Não se deixar levar pelo espírito de rebanho..  Tentar abandonar o excesso que  atordoa… Nestas circunstâncias, sabemos que não há uma receita pronta e definitiva  mas existem indícios de que precisamos nos reencontrar como seres humanos que somos, donos de identidade própria, de pensamentos independentes, capazes de ter um olhar para o mais banal e, ainda assim,  nele  descobrir encantamentos…capazes de se enriquecer e, ao mesmo tempo, se fragilizar com as múltiplas facetas do amor…capazes de não perder seus vínculos imutáveis e duradouros…capazes de entender os recados da vida e deles guardar seu maior sentido: o de humanidade.

Nada mais que um  mergulho individual do qual o homem emergirá sobrevivente e  iluminado pela maior das esperanças: uma vida plena!

m000459929

Marcio Cleber
março 10, 2019

NUCAVE prepara mais uma Exposição Especializada do Mangalarga Marchador

O Núcleo Campos das Vertentes do Mangalarga Marchador – NUCAVE já trabalha para a promoção de mais uma Exposição Especializada do Cavalo Mangalarga Marchador, que este ano acontece em sua décima primeira edição. O evento será de 10 a 13 de abril, no Parque de Exposições de Barbacena e promete mais uma vez um show da raça.

Exposição Especializada do Mangalarga Marchador 2

A chegada dos animais ao Parque será na quarta-feira, 10. Na quinta e sexta-feira durante todo o dia, o grande concurso de marcha, morfologia e prova funcional. Na noite de sexta, como é tradição, uma grande confraternização entre todos os envolvidos na Exposição. No sábado, 13, além do concurso para a escolha do Campeão dos Campeões de marcha, Grande da Raça, Marchador Ideal e premiar os Expositores e Criadores, tem ainda as eletrizantes provas esportivas (Seis Balizas, Três Tambores, Cinco Tambores  e  maneabilidade).

A Exposição Especializada do Cavalo Mangalarga Marchador de Barbacena é uma das mais aguardadas, pois muitos animais que sagram campeões na cidade, são fortes concorrentes na Nacional e CBM, o que demonstra a qualidade técnica dos animais que participam das competições. Um evento que também movimenta a economia da cidade, principalmente no setor de hotelaria.

Foto: Débora Leite